Brilho

Sempre à espera que os seus dias brilhem!

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Sôr Jaquim

Amanhã, dê por onde der, nem que passe a meia noite ao pé do Sôr Jaquim da Roulote das bifanas, vou assim, vestidinha pelo Dominguez, Adolfo Dominguez, em modo de Saldos, shop on line.


 O Vestido é uma beleza, cheio de pormenores. Vejam melhor em http://www.adolfodominguezshop.com/

O colar que a menina da Adolfo Dominguez tem posto, na imagem acima, também lá está.


O sapatinho vai ser stileto preto, da colecção Bright Fado ShoesCloset, não há hipótese.


Pois que ainda me falta escolher a pocheti!!!! a cluster como dizia alguém no outro dia!!!

Não quero saber do frio.

O Sôr Jaquim sabe o que é fashion e há-de ter para lá uma samarra, que ele lê o Metro, as crónicas do Alfaiate Lisboeta e é o maior fashionista de todos os proprietários de Roulotes do pedaço.

Ai que bem que me vai saber agarrar-me à bifana e carregar na mostarda assim vestida.....
Ele há maior riqueza gastronómica? Quais camarões, quais caviar.


Mi aguardi Sôr Jaquim!


À volta para casa apanha-se a primeira "camineta" da carreira que passar.

Homem Bizarro

Abri o e-mail e lá estava a mensagem:

- Aderiu ao sistema Ano Novo Vida Nova. Seja benvinda.
Encontro às 21h de hoje, no café Príncipe na Av. das Descobertas.

Reconhecerá o nosso representante de imediato. Sentar-se-à, sozinho, na mesa do fundo e envergará fato preto, gravata preta e camisa branca.

Pensei: SERÁ O COBRADOR DO FRAQUE?

Usará chapéu, que lhe cobrirá parcialmente o olhar.
Deve dizer-lhe "Boa noite Jerome", ao que ele responderá "Código aceite".

Olhei para o relógio e pouco faltava para as 21h.

Desci as escadas em modo slide e corri até cruzar a Avenida.

Em frente à porta do café, inspirei e expirei umas quantas vezes, para ganhar coragem.

Ele estava lá ao fundo. Levantou o olhar quando ouviu a porta fechar.

Homem bizarro!

Percorri o bar, afastei a cadeira e disse-lhe a senha.

O homem, de voz grossa, vociferou:

- Deixe o envelope em cima da mesa. Assim fiz.

Entreguei as 12 resoluções para o ano 2012.

Ele passa-me uma caixa de cartão que só poderei abrir em casa. Nesse momento sei que devo abandonar o local.

Corro novamente para casa, sento-me no sofá e abro a duvidosa caixa.



Olha, que porreiro, é uma lingerie azul - a famosa, que dá uma sorte descomunal - para a Passagem de Ano.
Num cartão, no interior da caixa, lê-se:

" A Oysho agradece a sua fidelização. Decidiu apostar num serviço personalizado Ano Novo, Vida Nova e deseja-lhe as maiores felicidades"

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Folhas de Oiro!

São raspas de chocolate dourado?



Não! Mas não seria de admirar.

Ó p´ró ouro na comida...


 - Se faz favor, hoje vou querer sushi em folha de ouro, que estou um pouco enjoada.
- Lá vem o Sr. Teryaki com anéis para a chapa, que funde mesmo alí à minha frente, acabadinhos de chegar da Ouro Vivo e transforma em delicadas folhas com a sua "naifa" aguçada.
- Por hoje estou cheia de ouro. Amanhã há mais.

Coisa mais finesse! Como será a digestão? Igualmente chiquérrima?

Lá está uma pessoa a divagar....

Se não é comida, o que será? São umas pecitas lindas da Tous....

 Discretíssimas............
Para dar glamour à passagem de ano!

Mulher não és tú se depois de comer azevias, ao desafio, bacalhau, couves e rabanadas, não trincares sequer uma folhita de oiro para o ano de 2012 que aí vem.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Só fazem o que lhes apetece

- Rafaela, miúda, anda para casa almoçar!

  Ai esta gaiata, sempre a andar de baloiço, sempre a andar de baloiço, vizinha.

Bar Rafaeli - Passionata


Bar Rafaeli - Passionata
 

É todos os dias a mesma coisa!

Depois do almoço, veja lá, lá vai ela, feita doida na mota.



Bar Rafaeli - Passionata
  Já lhe disse:

- Filha, veste um casaquinho que te constipas.

Mas a minha piquena é assim.

Já o pai dela é a mesma coisa....sempre em tronco nú! São uns doidos pelo ar livre e por todo o tipo de desporto.

- Olhe, D. Etelvina, ao menos não fuma, como a minha!

- O que é que se há-de fazer a estes miúdos, não é D. Ofélia? Eu já sei que tenho duas crianças em casa.

No outro dia até lhe gritei:

- Ó Rafaela, não foi assim que te criei. Onde é que já se viu, ires passear de bicicleta nesses propósitos?
   Não tenho mão nela.



Bar Rafaeli - Passionata
  - Só fazem o que lhes apetece, não é?.....

- Agora, ainda por cima, como vê os Morangos com Açucar, tem a mania que é famosa e põe-se numas lindas figuras para sair, à noite, de casa.

Bar Rafaeli veste Robeto Cavalli
- Também, D. Ofélia, disse-lhe logo - que eu cá não sou mulher de levar desaforos para casa -

Rafaela, parece que foste comprar o vestido aos ciganos. O teu pai sempre me disse que não se devem abusar dos brilhos e que as mulheres devem ser discretas.

- Olhe, virou-me as costas, e bateu-me com a porta na cara. Está uma mal-criada.

- Ó D. Etelvina, não ligue, são fases. Ela até é boa miúda. Isso passa, não se moa.

domingo, 25 de dezembro de 2011

É Natal, foi Natal, lá lá lá lá lá!!!!

O Menino Jesus nasceu para nos salvar!

São dia de festa em família, ou melhor, com aqueles que consideramos Família e que queremos todo o ano perto de nós, como te queremos a ti, pequeno menino, nas nossas vidas.

Espero que esta quadra seja passada com muito amor, esperança, saúde e paz.

Cuidado com os doces natalícios.....

Com o Natal a passar, começam a brotar pensamentos, de natureza mais mundana nesta cabeça.

Já se cozinha a Passagem de Ano ao estilo "So you Think you can dance"

Tudo isto porque ontem neguei ver uma vez mais o Assalto ao Arranha Céus e fui beber inspiração a paragens mais perto do chão.

Deixo-vos  esta pequena pérola......

http://www.youtube.com/watch?v=zmiqaqDLfXs&feature=related .....Rita Hayworth & Fred  Astaire em
" So near and yet so far ", numa versão dirty dancing da qual me dá vontade participar - principalmente se vestida com este vestido preto a rodopiar - na esperança que encontrem um par para dançar.


sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Feliz Natal Shoes Closet

Orgulhosa, foi como me senti, quando abri a Vogue Acessory.

Os Stiletos são, nada mais nada menos, Shoes Closet. Alegria, alegria. Emoção, emoção.

São nossos, são elegantes, e contam-nos Estórias..... estes podiam falar-vos de uma homenagem ao fado......

Fazem parte de uma colecção que homenageia o Fado, hoje e desde sempre, nosso Património Moral.

Por tudo isto foram escolhidos para brilhar nesta magnífica produção.


Só tenho pena que não os tenham visto, como eu, ao pormenor.
São simplesmente brilhantes.

Mas fica aqui o novo website da marca nacional, http://www.shoes-closet.net/, para verem tudo com atenção.

Feliz Natal Shoes Closet

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

A amarração

Desde pequenos que o fazemos.

Se as coisas não nos correm como queremos, não vamos de modas e amarramos o burro.


Fiquei giro!
 E qual é o problema? Amarrar o burro é uma coisa orgânica, é um tem que ser.

Se não durar muito tempo, não incomodar muita gente e for feito com preceito, de preferência em local isolado, é um excelente remédio que sai a custo zero. Nem é preciso recorrer a genéricos.

Há pessoas mais ou menos expressivas a amarrar o burro.

Há caras que simplesmente não ser aguentam.

De algemas.....talvez seja compreensível!

Se a um miúdo se tolera um amarranço de uma hora, a um graúdo está quase legalmente estipulada a tolerância zero.

Não me dão o IPhone!

Por isso, é preciso dominar a arte do amarranço.

A mestria na amarração consiste em dominar o timing da sua duração, bem como a expressão facial a utilizar, uma vez que a desamarração poderá ter que ocorrer a qualquer momento quando o burro é amarrado em público, em frente a um familiar, namorado, marido, filho ou patrão.

Não devemos desistir desta arte centenária. Devemos preservá-la, bem como equacionar ministrar workshops para atingir a perfeição.

Amuar, ficar com a neura, é vital.

O corpo pode sentir-se caso não amuemos. Prendem-se músculos, dão-se graves tendinites. Por isso, o melhor é soltar o corpo e deixá-lo tomar conta de nós por pequenos momentos.

A Manuela Azevedo, dos Clã, na companhia de Fernanda Takai cantam muito bem este amarrar de burro, este amuo, esta neurite aguda, como diz uma amiga.

Sabe bem, como dizem, recuar um passo, para depois dar dois em frente.

Amuar faz bem
Também amuava assim, com sobrancelhas de lantejoulas, em grande style, pestanonas compridas, muito eyliner e pele de gueixa....não está nada mal.

O sentimento que subjaz à neurite e à amarração não é bem o de tristeza.

 É uma raivazinha latente, que exige um recolhimento em termos espaciais.

Quando não é possível fazer este retiro, congela-se a expressão facial, como se mil agulhas com botox nos invadissem.

A ausência de expressão é mil vezes mais libertadora que o famoso beicinho, já fora de moda.

Enfim, há um território vasto por desbravar nesta área.

Não te envergonhes de amuar! Pelos vistos, até os bichinhos gostam.....

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Vamos lá!

Na impossibilidade de conseguir uma cabeleira farta com a da Beyonce, da Tina Turner e de outras afortunadas capilares, farta de pentear, ripar e fazer o pino a estes três pelitos que tenho ao cimo da cabeça, irrompi porta adentro do cabeleireiro e pedi:

- Tina, dá-lhe volume nas raízes, caso contrário, amanhã já está todo escorridinho, coberto de óleo e pronto a servir de fritadeira.

Já a meio do processo pensei....

E que tal fazer uma trança? Amanhã havia de acordar com algum volume extra na cabecita.

E eis que a Tina tem a seguinte ideia luminosa....

- E se experimentares aquele frisado miudinho?

Como não estava para meiguices avancei um vamos lá! Força.

Passou uma hora e a prancha, com capacidades ondulantes e extrasensoriais, movia-se com delicadeza, requinte e precisão pelas melenas.

- Ó Tina, gabo-te a paciência.

- Pois, isto tem mesmo que ser assim, caso contrário o cabelo fica todo vincado nos lugares errados.

Imaginei-me a tentar fazer aquilo em casa e tirei imediatamente dalí a ideia, tal não era a visão.

- Se calhar não vais gostar de ver o frisado na franja.

- Não, não, avança, que se amanhã estiver muito mau, faz-se um apanhado às três pancadas.

Quando dei por mim, passada uma hora e meia, qual  Teresa Maiuko (recordada por Nuno Markl, esta semana, na Caderneta de Cromos), mas com um look capilar loiro quase afro, estava pronta para dar um concerto ou esconder por entre os cabelos uns presentes de natal.

Ups!


Para a próxima umas rastas???? Nunca se sabe....

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

She wore blue

Não desesperes, encontrei-te a saia preta em forma de tubo na UTERQUE.

Mas os olhinhos ficaram pousados na mala e cinto azuis.

Não ficava mal!



                                                                                                  
                                                                   Tudinho, ali à mão de semear, na
                                                                                        UTERQUE

                                    

sábado, 17 de dezembro de 2011

Super PERDONADOS

Estão totalmente PERDONADOS.


Pablo, miúdo, és um giraço. Alguém tem dúvidas?

Devia começar por falar da tua voz, mas não, não consigo. Tens um visual extraordinário. Aquelas golas, echarpes e camisas de manguinha arregaçada dão-te um ar muito rómantic! Depois não te limitas às galcitas de ganga normais, usas umas cores diferentes....seu espanholão.

Sempre gostei de ouvir cantar espanhol, pela proximidade Elvas/Badajoz/caramelos!!! Parece que vou continuar.


Carminho, também és linda. Que olhos, que boca. E esses cabelos e essa franja? Já para não falar da tua sempre irrepreensível maquilhagem!

Confesso que o "meu fado" é Amália, por culto familiar, mas vou guardar um espaço maior para te ouvir verdadeiramente e continuar a descobrir.

Pois que estes dois decidiram juntar-se e pedir desculpas um ao outro, a cantar!

Só de olhar para o Pablo e para aquele sorriso colgate quando começas a cantar, Carminho......sinto que já estás perdoada.

Não és tão expressiva quanto ele nesta manifestação de afectos. Afinal, ele foi o primeiro a assumir que se apaixonou...pela tua voz.

Mas para te ouvir cantar, em espanhol, de certeza que também te apaixonaste...pela voz de nuestro cantante del país hermano.

E já agora, também peço perdão.....mil vezes perdão.....por gostar tanto de vos ver e ouvir juntos, como quase todos os habitantes de Portugal.

Parabéns Man In Black

Já todos sabemos que só vestes preto e que és um autêntico Man In Black.

Então, Miguel, homem de negro, sabendo que tens um look desportivo e não gostas de coisas formais, fui até à Zara, ignorei as lantejoulas e as cores vivas a fazerem-me olhinhos, "enfeirar" uns básicos para te renovar o stock.

Pelo sim, pelo não, pedi o talão oferta, não vá alguma das peças ter uns laivos de cinzento, o que já podia destoar.



Adorei este blusão resinado, que dá um arzinho "marginal"!Miau!!! Medo..medo


Porque a época puxa por um certo glamour, ousei trazer esta blusa com frente de seda. É assim um sporty-chique.
És calorento...mas se o frio apertar, vestes esta camisola de canelado vertical.
Para mim, da tua secção, estive quase, quase, a trazer estes modelitos, que achei de arrasar....


Muito malucas estas calças. Com as botas tipo tropa, faziam um look espectacular!

Este casaco militarão é qualquer coisa!
Bem, mas esta semana é a tí que quero fazer brilhar......

Parabéns Miguel e um abraço amigo

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Ok, alright

Há músicas que parecem autênticos rebuçados, a pedir para serem desembrulhados devagarinho.

Apetece ouvir "Dream a little dream of me" e ouvir e ir ouvindo...muito devagar, para não perder pitada, perceber todas as flutuações de voz e toda a letra....se possível, ao volante, no quentinho do sofá ou a namorar.

Ó Áurea, és nossa e cantas tão bem......contigo fica tudo "Ok, alright"...

Se puderes, empresta-me o vestido vermelho que usaste no Coliseu.

Linda!!!

Natal a seus pés

É Natal na ShoesCloset... ho ho ho!

A propósito do Natal, e só porque a crise aperta (lol) mas tem que ser contrariada, fui novamente dar uma voltinha para os lados da ShoesCloset.

Os scarpins, botas e botins estão rodeados de presentes e de meias grossas quentinhas, daquelas que servem para pôr os presentes.

Não vá o Pai Natal (Menino Jesus para outros) esquecer-se de vocês, caso se tenham portado mal, passem por lá....






P.S. Experimentem uns botins vermelhos compensados, de uma pele que parece manteiga, que assentam como luva, ulálá

domingo, 11 de dezembro de 2011

Bem mais Wild....

Jovem empresário, se te queres modernizar e não queres mesmo nada fossilizar ( capacidade humana de se deixar ultrapassar pelos tempos), topa-me este look.

A escolha monocromática foi feita a pensar no alongamento da tua esbelta silhueta.

Vá, abre horizontes e lança-te a um casacão futurista...

Casaco com gola chaminé - Zara
Depois podes ir buscar a tua malha clássica, para suavizar.

Calças, Malha  e Botas Massimo Dutti

As calças e Botas Massimo Dutti dão-te um ar um pouco mais "rural". Desengana-te, que isso não é nada máu! Não pode haver coisa mais trendy que as inspirações no campo e na bicharada.

Um homem pode estar na cidade e a qualquer momento ter que fazer uma incursão pela província, nunca se sabe.

A écharpe garrida termina o visual.


Écharpe Springfield

Sei que te vais passar com o pormenor da virola nas calças, mas a coisa pode-se contornar. Era só uma sugestão.

Se tivéssemos seguido por aqui.....

Calças Zara
....teria sido bem mais wild. Não pois não? Ainda não estás preparado!

A continuar....


Ao lado do Santini, o que há?

E que tal um gelado Santini, na Rua do Carmo?
Sim, não há nada como combater o frio, juntando-se a ele.
Depois, ali mesmo ao lado.... - não, não é em frente! Larquem as H&M, o Centro Comercial do Chiado - no Espaço Santa Casa, piso -1, para aquecer, têm palavras a sair das paredes, vejam lá, cores que parecem querer agarrar-vos e mais, muito mais.
Tudo feito com muito amor, pelo Nuno e pela Cristina, para regalo dos olhos e da alma.
O Nuno pinta com as mãos e a Cristina escreve com o coração. Se um rasga telas, outro rasga papel, de emoção.
Em mente, fartei-me de comprar, quadros e poemas, para dar pelo Natal.
Tinha aqui umas fotografias de lado, mas acho melhor passarem por lá...

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

A brilhar

Há um mundo de encantar, para quem gosta de brilho, ao subir o Chiado, ali mesmo ao pé da Brasileira. 

Ficar boquiaberto a olhar para a loja Swarovski não pode fazer mal. 

Primeiro, foquem-se no tecto. Que bonito. Depois, naquele majestoso aglomerado de cristais suspensos. Já várias vezes os quis trazer para casa. Imagine-se, uma louca a fugir pelo Chiado, carregadinha de cristais Swarovski. Não me parece!... o gozo está mesmo em ficar a contemplar e a imaginar esta cena ridícula.

Ora bem. Escolhi-vos uns presentinhos de Natal. Coisa modesta.


Uns amores, para pendurar na Árvore de Natal

Mas se formos partir para a lóooocura...deixo-vos estes "regalitos"....para comprar ou para sonhar!

Que horas são?
Cuidado com o sol de Inverno
           Uau!!! Rock star
Quem é que não gosta de vermelho?

domingo, 4 de dezembro de 2011

O bom do Chignon

- Há aquela parte muito sensual do corpo da mulher, que desce do fundo da orelha, pelo pescoço e escorrega até ao ombro, que insistes em tapar.
- João, deves ser o único homem à face da terra que prefere ver uma mulher de cabelo apanhado!
Só a ti, dizes com o teu riso malandro.
- Ok, por mim tudo bem. Mas os meus dotes de hairstylist não são suficientes para fazer um chignon - palavra nova no meu dicionário - caseiro.
Vou recrutar a Beatriz, levo-lhe umas imagens inspiradoras de revistas, e deixo tudo ao cuidado daquelas mãos experientes.
A Beatriz trata os cabelos como se fossem fios de ouro. Toda ela é delicadeza e atenção. Os momentos de criação de penteados são quase irrepetíveis.
- Só hesito em escolher a versão.


                                 Hollywoodesca?


                                  
                                       Ranway?

                     
                               Desalinhada?


- Depois logo se vê. Acho que o vestido não puxa uma versão muito sofisticada.
Já perdida em grandes pesquisas, oiço o João suspirar...
- Eu só disse que te gostava de ver de cabelo apanhado....