Brilho

Sempre à espera que os seus dias brilhem!

domingo, 11 de março de 2012

Bichinhos de apartamento

- Olha lá para os miúdos.

A Ana e o Miguel adormeceram no caminho de volta, exaustos, depois de uma tarde de autêntico arraial.

- Completamente estafados. Eles e nós. Parecem uns anjinhos! Quem os víu há uma hora atrás e quem os vê.

 - Parecia que não os levávamos a passear há anos.
  Soube bem andar pelo campo, em liberdade. Eles precisam. Não gostava nada que se transformassem nuns bichinhos de apartamento.

- Algo me diz que não corres esse risco!
  É só aprimorares-te na arte de organizar pic nics familiares.
  O André, a Catarina e os miúdos haviam de gostar de se juntar a nós.


- Parece-me bem.

  Quase a chegar a casa, sei que tenho que me encher de genica. Agora falta a parte dos banhos, do pôr a roupa na máquina, a lavar. Inspirei profundamente e disse, de mim para mim, já está! Lá para as dez e meia tenho tudo despachado e ainda dá para nos encostarmos no sofá.

- O que achas de os levar, mesmo assim, vestidos, para a banheira? No estado em que estão...

Sem comentários:

Enviar um comentário