Brilho

Sempre à espera que os seus dias brilhem!

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Ao macho e à fémea

Faz falta ao homem e à mulher, ao macho e à fémea.

Ao homem para usar quando passa uma garina jeitosa.... à mulher quando passa um Clooney.....

A ambos, para chamar um taxi, para acompanhar uma canção.

O pior é quando a arte de juntar os beicinhos não faz produzir qualquer som.

Não haverá por aí workshops de assobios?

Há o assobio envergonhado e quase silêncioso, o mais gaiteiro e o estridente.

Este último é o que mais invejo. Aquele em que, com os dedos enroladinhos e bem ajeitadidos entre dentes, com a língua enrolada, sei lá bem onde, nos fazemos ouvir noutro continente!




Este é o verdadeiro profissional, que assobia o Hino Nacional, de certeza!

                                                 Esta também é uma modalidade engraçada...

Aqui vos deixo uma musiquinha cheia de assobiadelas.....

                                                                                        do André Sardet

Dedico-a aos pombinhos atacados pelas flechas do cupido, neste dia de S. Valentim que pode estar, para uns, a acabar, ou para outros a começar....hi hi!

Sem comentários:

Enviar um comentário